O Universo das Coisa Incontáveis # SESC Unidade de Jaraguá

January 01, 2020

O Universo das Coisas Incontáveis foi contemplado pelo edital Rede SESC de Galerias, e o primeira Unidade foi Jaraguá do Sul de 15/02/2018  à  01/04/2018.

O Universo das Coisa Incontáveis # SESC Unidade de Joaçaba

April 01, 2018

O Universo das Coisa Incontáveis foi contemplado pelo edital Rede SESC de Galerias, e o primeira Unidade foi Joaçaba de 15/02/2018  à  01/04/2018.

O Universo das Coisa Incontáveis #Tralharia

A exposição O Universo das Coisas Incontáveis são colagens que estabelecem uma narrativa com a história anônima das peças que habitam o Tralharia Antique Bar. A curadoria é da artista visual Lela Martorano.

Nesse processo de pesquisa da artista, os objetos passam a ter uma vida própria e eles circulam, combinando peças inusitadas e inatingíveis. O material utilizado foi recolhido durante meses, recortes de livros e revistas, anotações, notas antigas e objetos – com interferência da pintura, da costura e do desenho, utilizando como suporte papéis e capas de livros

Hip Reliquiarium # ação 2

“O Salão Nacional Victor Meirelles está congelado desde 2008, ano de sua ultima edição. Ano após anos contamos apenas com promessas de seu próximo lançamento e ficamos sem o devido retorno das autoridades e responsáveis sobre a real situação do salão. Nós do Nacasa – Coletívo Artístico queremos realizar o XI Salão Nacional Victor Meirelles. Sabemos que a situação não é muito diferente em outros lugares do país. Ocorre, contudo, que os encontros e o fortalecimento da cena artística regional estiveram relacionados, em grande medida, com as edições do SNVM.”

De 1º a 24 de Abril de 2017 Montagem Anna Moraes, Chay Luge, Daniele Zacarão, Diego de los Campos, Juliana Crispe, Leandro Lopes de Souza e Osmar Yang.

Hip Reliquiarum _#ação 2 pretende assim dar continuidade a essa rede que permanece em suspensão, propondo/levando esse diálogo entre tensões antagônicas para o espaço expositivo criando personagens montados sobre esses relicários descolados já existentes.

A rede criada pelos relicários tecem objetos: mancebo-árvore; livros-pássaros; caixinhas-de-fósforo-frutos; tampas-de-conserva-relicários; receptáculos; malas; cápsulas ou caixinhas de memória; linhas narrativas (as visíveis e as invisíveis); linhas de costura;  e muitas “colagens sem cola”, que constituem-se como metáforas dos relacionamentos e dos destinos dentro do ciclo da natureza entre a experiência e a memória.

As linhas narrativas criadas enrolam as tramas possíveis de relacionamentos entre os personagens, que são de ficção, mas podem representar cada um dos espectadores da instalação, que por sua vez trazem sua própria memória para a leitura da intenção da artista, como bem entenderem.

Uma ressignificação que podem ser descolados da moralidade ou o efeito moral e religioso que esta reorganização o Hip Reliquiarum _ #ação 2 propõe rompendo dogmas fixos para aquisição de novas experiências.

V MOSTRA DE ARTE CONTEMPORÂNEA LOTE 7"

Curadoria Denilsom Antônio
O nome Lote 7 surgiu de uma abstração, um momento em que precisava nominar um projeto que levou um tempo para se concretizar. Entre outros, lote pode ser uma das partes de um todo, alem é claro de um grupo, mas cada um com sua singularidade. O sete vem da numerologia, são inúmeros os significados do para ele, “é um número sagrado, perfeito e poderoso”, afirmou Pitágoras, matemático e pai da numerologia, sendo juntamente com todos os números ímpares considerados mágicos.

Fundação Hassis, Florianópolis, SC / 13/12/2016 a 24/02/2017

Em Cartaz- Filmes imaginários

Em Cartaz- Filmes imaginários, é um projeto com 33 artistas que produziram um cartaz para um filme fictício criado por eles.

A iniciativa faz parte da Campanha FAM e todos nós" estimulando a arte na infância e juventude + Caos Produções com a curadoria do artista plástico Paulo Govêa. Parte da venda dessas obras será revertida para compra de material de artes plásticas para as crianças do Hospital Infantil Joana Gusmão.
Centro Integrado de Cultura, Florianópolis, SC / 1º a 8 de Julho de 2016.

Hip Reliquiarium # ação 1

Redes em Suspensão, Residência Artística  faz parte do encontro entre a artista visual Lena Muniz e a filosofa e performer Carol Marim com o objetivo de aproximar artistas que desenvolvem pesquisas com tecidos, bordado, fotografia, vídeo arte e performance. Para costurar essa rede em suspensão, a performance e a instalacão, constituem-se como principais pontos de encontro entre as artes visuais e as formações dos outros artistas. Nesse contexto primeira ação de Hip Reliquiarum a artista busca tratar a memória como um composto orgânico que se transforma criando em rede narrativas sobrepostas. A aglutinação e sustentação de recordações é materializada por colagens cujos suportes são objetos com valor afetivo ou encontrados por acaso, ou ainda adquiridos no comércio popular. Um ecossistema de novas memórias se propõe a partir do gesto de amarrar, suspender e recortar esses compostos orgânicos. Texto e curadoria Pedro MC

Memorial Meyer Filho, Florianópolis, SC / 08 e 09 de setembro de 2016.

Mostra Casa & Cia Encontro e Espaços

May 01, 2018

Mostra Casa & Cia Encontro e Espaços. Sala de Leitura do arquiteto Marco Antonio Medeiros.

Trompowsky Corporate, Florianópolis, SC, 2015

Please reload

3º Festival de Ilustração e Literatura da Bahia,  é um espaço-tempo dedicado à criação, ao encontro e ao encantamento. É com alegria e grande ânimo que convidamos a todos para reunirmo-nos com o propósito de refletir sobre arte, memória, processos de educação e literatura ilustrada.

Palácio da Aclamação, Salvador, BA / Maio de 2017

2º Parque Gráfico, é uma feira de exposição, troca, venda e consumo de produções gráficas e publicações independentes, tais como zines, livros, livros de artista, catálogos, editoriais, postais, pôsteres, xilogravuras e toda uma infinidade de produtos impressos que carregam consigo as características desse tipo de produção: menor tiragem, alto valor artístico e conceito mais artesanal e menos industrial.

Museu da Escola Catarinense, Floranópolis, SC / Abril de 2017

 

4 ª Parada Gráfica, é uma feira de publicações e peças gráficas, como zines, revistas, livros, gravuras, posters, ilustrações, prints, objetos e obras variadas de arte impressa, produzidas e distribuídas de forma independente.
Museu do Trabalho, Porto Alegre, RS / Agosto de 2016

 

7ª Entremostras, Mercado livre de obras de artes visuais, moda, música, performances, vídeo e literatura, a feira Entremostras proporciona um espaço para comércio e contato entre os artistas e o público.

Fundação Cultural Badesc, Florianópolis, SC / Novembro de 2015

 

6ª Entremostras, Mercado livre de obras de artes visuais, moda, música, performances, vídeo e literatura, a feira Entremostras proporciona um espaço para comércio e contato entre os artistas e o público.

Fundação Cultural Badesc, Florianópolis, SC / Agosto de 2015

 

Feira Gráfica Balaclava, faz parte da Segunda Edição da Semana Balaclava 2015 expões livros, quadrinhos, zines, publicações, gravuras, pinturas, desenhos e fotografias de 30 artistas, escritores, e editores brasileiros.
Balaclava Studio, Florianópolis, SC,  2015
 

Panquecas Civilizadas”, ilustrações projetadas para performance de Lizi Menezes.
RoundAboutLX e Condominio, Lisboa, 2015

 

“A Bruxa”, instalação fotográfica

NaCasa Coletivo Artistico, Florianópolis, SC / Janeiro de  2015

 

Ilustração para exposição coletiva:
“Dar vida e cor ao sonho”
Instituto Português da Juventude, Coimbra - Portugal / Outubro de 2013

 

“Querubins Contemporâneos”
Exposição coletiva “Jardins Efemeros”, Viseu - Portugal / Julho de 2013

 

Gravura impressa para Projeto Volante, 3ª edição
Atelier Presse Papier, Trois-rivieres, Quebec - Canadá / Junho de 2012

 

“Figuras & Fricotes”, exposição individual de desenhos
Novo Arte e Oyagiban Bar, Sao Paulo - SP / Marco de 2011

 

“Risco Rei”, gravura impressa no Projeto Volante, 2ª edição
XXIV Festival de Artes do Ateliê Livre de Porto Alegre, Porto Alegre - RS/ Agosto de 2010

 

“A Viuva”, desenho para a exposiçãoo coletiva “Um livro sobre a morte”

MUBE, São Paulo - SP/ Fevereiro de 2010

Pati Peccin © 2019